MÓDULO B

Oficinas Internacionais e

Seminário sobre música vocal em grupo, educação e canto coral

 

Oficinas Internacionais (pela manhã, com exceção do dia 02 de setembro) junto aos coros participantes do 1º Festival Corearte Brasil sob a direção de Mara Campos, Josep Prats, Johan Duijck, Pablo Trindade e Basilio Astúlez. Seminários (pela tarde, com exceção do dia 02 de setembro) tendo como temas a voz, a prática coletiva e o repertório como instrumento de comunicação e transformação. Os seminários serão ofertados exclusivamente para os inscritos nesta etapa do IV Encontro de Educação da UCS.

As oficinas internacionais integram a programação do I Festival Corearte Brasil e serão oferecidas aos coros participantes desta que é a primeira edição do Festival no Brasil. Nestas oficinas, estarão presentes mais de 10 coros e grupos vocais inscritos no Festival.  Os inscritos no IV Encontro de Educação Musical da UCS poderão optar por participar das práticas corais ou acompanhá-las como ouvintes, e pela tarde serão ofertados seminários exclusivos com os regentes Pablo Trindade (RS), Johan Duijck (BL), Mara Campos (SP), Basilio Astúlez (ES) e Josep Prats (ES). As oficinas culminarão num concerto que fará o Encerramento do I Festival Corearte Brasil na sexta-feira à noite, dia 05 de setembro.

Serão 60 vagas para esta etapa do IV Encontro de Educação Musical da UCS

Repertório:


Maestro-Josep- Prats-COREARTE

Programa Cantània dirigido por Josep Prats dentro do marco educativo do Auditório de Barcelona

Cantània é um programa educativo que ocorre em sete países, e que a 25 anos vem educando professores para a formação musical de crianças em escolas regulares. É um programa anual que conta com a participação de mais de 270.000 crianças nas disciplinas de canto, coreografias e música em geral.

Evolução da forma villancico na história da polifonia espanhola, desde o renascimento ao barroco

Serão compartilhadas partituras e áudios, com uma visita guiada para explicar a estrutura, a origem literária e a evolução de uma das formas mais utilizadas na música antiga espanhola. Poesia, instrumentação, execução e a importância da forma na educação musical.


Maestro-Johan-Duijck-COREARTE

Composições para coro de Johan Duijck

Johan Duijck, falará sobre a forma para compor para coros e grupos vocais e instrumentais através de exemplos de sua própria obra como compositor de obras. Distinguirá entre trabalho para crianças, adolescentes e adultos.

 Composições para música coral do compositor belga Vic Ness

Criador de missas, cantatas e oratórios para coros e  obras para órgão e piano, Vic Ness é a principal referência da música belga contemporânea. Através de áudios e partituras conheceremos mais de sua obra e da forma de trabalhar deste grande compositor.


Maestro-Basilio-Astúlez-COREARTE

A Escola Coral de Leioa, Crescer Cantando

Descrição com arquivos em PowerPoint, áudios e vídeos da Escola Coral de Leioa, suas características, história, trajetória e sistema de trabalho.

 A técnica vocal no coro infantil-juvenil

Explicação teórico-prática de como abordar o desenvolvimento vocal junto ao um grupo coral de jovens e como atender às principais questões relativas a esta área (aquecimento vocal, distribuição de vozes, respiração, patologias e problemas vocais)


Maestro-Pablo-Trindade-COREARTE

Arranjos corais de Pablo Trindade

O maestro Trindade nos propõe ver a forma de adaptar e arranjar canções de música popular para coros e grupos vocais e debater sobre o contexto educativo da música coral em grupos aficionados.

O coro de música popular hoje

O tema para debate será a importância da música popular dentro do âmbito coral e instrumental. A eleição dos autores e do repertório, a importância educativa deste tipo de música na sociedade atual. As múltiplas possibilidades que ela tem e seus recursos.


Maestro-Mara-Campos-COREARTE

O regente coral como Educador

A construção do trabalho coral a partir da motivação e capacitação dos coralistas em que o aprimoramento técnico seja o resultado da experiência prática artística, ética e afetiva.

“Há que se cuidar do broto pra que a vida nos dê fruto e flor…” (Milton Nascimento)

Repertório e Didática

Inspiração, escolha, recepção, planejamento, preparação, realização e transformação.

Uma meta e muitos caminhos – opções por sonoridades e estéticas compatíveis à personalidade, realidade e disponibilidade do grupo coral.

“Eu canto para quem?” (Adriana Calcanhoto)


Maestro-Lucia-Passos-COREARTE

Etapas de um trabalho vocal no desenvolvimento do canto coral

Como organizar e planejar o trabalho de forma a permitir um maior rendimento vocal dos cantores, em qualquer idade.

Reflexão Final:

Debate com todos os maestros participantes sobre tema proposto pela Mara Campos:

Reflexão:

O Canto Coral – canto multiplicado, fortalecido pelo exercício cotidiano das inter-relações entre o regente, os coralistas, a obra e o público.

“Eu quis cantar minha canção iluminada de sol…” (Caetano Veloso/Gilberto Gil)

Público-Alvo:

cantores, regentes, professores e estudantes de música que desejem realizar prática vocal e coral com os maestros, conhecer mais de perto seu trabalho e estratégias de ação, bem como algumas bases de fundamentação do seu fazer musical/profissional. Podem inscrever-se também pessoas que ainda não tiveram muito contato com o canto coral, mas capazes de estudar/acompanhar o repertório lendo as partituras, incluindo atores e profissionais que utilizam a voz como instrumento de trabalho.

Requisitos:

Poderão inscrever-se cantores em geral, regentes e estudantes de música que desejem realizar prática vocal e coral com os maestros, conhecer mais de perto seu trabalho e estratégias de ação, bem como algumas bases de fundamentação do seu fazer musical/profissional.

É necessário chegar às oficinas com as obras propostas pelos maestros devidamente lidas se sua escolha pela atividade prática for a opção “1”. As partituras serão enviadas por email imediatamente após o pagamento da inscrição.

Será entregue certificado de Extensão Universitária aos que participarem com 100% de freqüência nas atividades propostas.

Matrícula:

Preencher devidamente a ficha de inscrição disponível neste link:

Registrate

Realizar o pagamento via PayPal à equipe Corearte Barcelona, de acordo com sua opção:

a)      U$S 120,00 – Participação nas oficinas práticas (como cantor ou ouvinte), no seminário com os regentes e do Concerto de encerramento do Festival Corearte Brasil.

[product id=”4797″]

b)      U$S 150,00 – Participação nas oficinas práticas (como cantor ou ouvinte), no seminário com os regentes, do Concerto de encerramento do Festival Corearte Brasil e do jantar que será oferecido após o Concerto.

[product id=”4798″]

Transferência bancária

Cuenta: 130038343

Fabio Schmidt- cpf: 006.057.019-97
Banco Santander (Brasil)
Agencia 3129 (Av Assis Chateaubriand, Deposito en cuenta 264 Barrio Floresta – Bello Horizonte – MG)
A inscrição inclui:

Participação nas oficinas junto aos coros participantes do Festival Corearte Brasil;

Participação nos seminários ministrados pelos regentes (atividade exclusiva para o IV Encontro de educação Musical da UCS e seus participantes)

Recebimento das partituras via email (em pdf);

Certificado de Extensão Universitária (expedido pela UCS / Corearte);

Programa:

 

Local:

Local: Hotel Personal Royale e Bloco M da UCS

 


Deja un comentario

Todos los Festivales

IX Corearte Barcelona (Español) IX Corearte Barcelona (Inglés) II Corearte Brasil (Español) II Corearte Brasil (Portugués) I Corearte Junior (Español) I Corearte Junior (Catalán)

Buscar

Buscar por Categorías

Descarga el formulario de registro para el Festival 2015: Barcelona, Brasil, Juvenil. Todos somos el Festival

Uso de cookies

Este sitio web utiliza cookies para que usted tenga la mejor experiencia de usuario. Si continúa navegando está dando su consentimiento para la aceptación de las mencionadas cookies y la aceptación de nuestra política de cookies, pinche el enlace para mayor información.plugin cookies

ACEPTAR
Translate »